You are currently viewing PÓS-PARTO: ESTRATÉGIAS PARA CRIAR UMA NOVA ROTINA E O QUE EVITAR NO PÓS PARTO

PÓS-PARTO: ESTRATÉGIAS PARA CRIAR UMA NOVA ROTINA E O QUE EVITAR NO PÓS PARTO

  A rotina após o parto não é nada fácil, é desafiadora, exige muito da mulher e demanda muita energia.

Dessa forma, deve-se continuar os cuidados com a alimentação, hidratação e sono nessa fase, até porque se a mãe não tiver uma alimentação completa que contemple todos os grupos alimentares, como vitaminas, minerais e  fibras, a produção de leite pode ser prejudicada.

Se o corpo não receber nutrientes suficientes, ele pode reduzir ou parar de produzir leite materno, podendo ocorrer um desmame precoce nesse caso. Por isso, devemos otimizar as refeições de acordo com a rotina da mulher, mas nunca deixar de comer. 

As frutas, legumes e verduras vendidas  já cortadas e higienizadas são ótimas aliadas para essa fase, são práticas e rápidas para consumir nas refeições, e não demandam muito tempo. Além disso, você pode optar por frutas que não precisam ser descascadas e cortadas, como a maçã, pêra, morango, mirtilos, amora, banana, kiwi, uva.

Além disso, os suplementos de proteínas em pó podem auxiliar bem nesse período para garantir o aporte proteico significativo. Você pode adicioná-los em vitamina com frutas, na sopa, no purê e em outras preparações. Os sabores neutros são mais fáceis de utilizar, pois combinam tanto com preparações salgadas, quanto doces.  

A alimentação deve ser prioritariamente de alimentos in natura, como frutas, legumes, verduras, sementes, castanhas, cereais integrais, tubérculos, entre outros. Evita- se nessa fase alimentos ultraprocessados como salgadinhos, bolachas, refrigerantes, pois são ricos em açúcares e gorduras, não trazem benefícios para a mãe e nem para o bebê. Além disso, esses podem prejudicar na modulação do paladar da criança, ficando mais seletivo.

Ademais, cafeína em doses altas e bebidas alcoólicas devem ser evitados, pois são estimulantes e podem passar para o bebê via leite materno, se for consumir espere 2 horas ou mais para amamentar.

Alimentos condimentados, com muitos temperos artificiais e pimentas também devem ser evitados, pois muitas vezes podem trazer desconfortos para o bebê que ainda está com o seu sistema gastrointestinal em formação.

Outros alimentos que também pode causar desconfortos no bebê e auxiliar no aumento de cólicas são as leguminosas (feijão, ervilha), hortaliças ricas em enxofre que aumentam as flatulências e desconfortos intestinais  (brócolis, couve flor, repolho), abacate, chocolates mais gordurosos e adoçantes como sorbitol e xilitol também estão relacionados, pois fermentam mais no intestino e precisam de uma digestão mais lenta.

Por isso, é muito importante a ajuda de um nutricionista para adequar os alimentos e substitutos, melhorando o bem estar da mãe e do bebê. O profissional irá avaliar também se a gestante apresenta algum tipo de alergia para retirada do alimento e ajudará com substituições e suplementação, se necessário.

Com essa nova rotina, é muito importante uma rede de apoio para ajudar a mãe a ter um momento de autocuidado, um sono reparador, mesmo que seja de poucas horas (não deixe de dormir pelo menos um pouco). Procure conciliar os horários da pessoa que pode te auxiliar, para você fazer algo por você.

Para o bebê estar bem, a mãe também precisa estar. Não deixe que a sobrecarga seja inteira para a mãe.

Tente sempre fazer refeições o mais completas possíveis, juntando uma fonte de proteína, mais um carboidrato e uma gordura boa. Opções como sanduíches, wraps, bowls e shakes saudáveis são ótimas opções para incluir na rotina corrida.

Além disso, a opção do congelamento é uma boa alternativa para as lactantes por conta do dia a dia corrido, sempre tenha frutas, verduras e legumes congelados e preparações prontas como sopas, bolinhos de grão de bico, lentilha, quinoa que podem facilitar muito a rotina.

Outro fator importante, é a hidratação, tome pelo menos 3 litros de água por dia para garantir uma boa hidratação e qualidade do leite materno. Pode consumir também chá de gengibre e funcho que ajudam na produção.

Espero que essas dicas te auxiliem na organização nessa fase importante e desafiadora.  A equipe da Nb está disponível para te auxiliar!!!

Deixe um comentário